Ensinando a aprender

A Fundação Luiz Almeida Marins Filho – Fundação LAMF tem como foco “ensinar a aprender”.

Sabemos que hoje que com o rápido desenvolvimento científico e tecnológico nos obriga a uma atualização diária de nossos conhecimentos profissionais. O sueco Leif Edvinsson, Diretor - Corporativo de Capital Intelectual da Skandia AFS, esteve em 1998 no 24o. Congresso Nacional de Administração de Recursos Humanos (Conarh’98) e afirmou: “O conhecimento humano duplica a cada 18 meses no mundo. Para alguém estar atualizado, o ideal seria que investisse cerca de 80% do tempo na sua instrução e desenvolvimento. Como esta prática é irrealizável para a grande maioria - seja por falta de tempo e dinheiro -, seria recomendável que fosse dispensado pelo menos 20% dos dias úteis para novos aprendizados e desenvolvimento de capacidade de inovação”. Afirma ainda: “A beira do outro milênio, surge uma nova teoria de administração empresarial. Estaríamos entrando na era do capital intelectual, na qual o valor real de uma companhia não é mensurado somente pelo seu demonstrativo financeiro, como também pelos ativos não-tangíveis. Isto é, pelo conhecimento, experiência e habilidade de seus funcionários (capital humano) e pelos equipamentos de informática, bancos de dados, patentes, marcas registradas e capacidade organizacional que apóia a produtividade dos empregados (Capital estrutural)”

Pelo texto acima podemos nos conscientizar, que devemos nos manter sempre atualizados com os nossos conhecimentos. Como devemos agir no dia a dia, para nos mantermos atualizados e fixar os conhecimentos adquiridos? Algumas dicas: